“Ter que acordar às 5 da manha, sair de casa e ficar esperando o ônibus na rua deserta, pegar o metro lotado e ainda ter que ter forças para prestar atenção nas aulas e criatividade para as disciplinas é difícil. Quando planejei minha vida, sai da minha cidade, mudei para São Paulo e fiz contrato com a imobiliária do apartamento foi visando a EACH, morando nas redondezas da universidade, em busca de conforto para poder buscar sempre o máximo do meu potencial acadêmico. Nesse semestre de certo meu rendimento e aproveitamento das aulas vão cair consideravelmente. Porém, uma outra coisa que me preocupa é o fato de fazer parte do LABEX (Laboratório de Extensão), uma ferramenta importante para a formação pessoal, social e acadêmica. Como estão todos separados, cada um em um canto, o plano B, com toda essa separação de cursos, dificultou e muito a conciliação de horários, entre os membros, para as reuniões que trarão o desenvolvimento de projetos.”

Nádia – Estudante TM

Anúncios