“Na minha opinião os dois maiores problemas são a falta da biblioteca e dos laboratórios e o gasto com a comida. Começando com o gasto com a comida, no restaurante que fui hoje bem próximo a Unicid a comida era gostosa, por quilo, o atendimento era bom, mas mesmo comendo realmente pouco eu gastei doze reais, sim não é caro, mas não se compara aos 10 reais que comia a semana inteira na EACH. Meu curso é integral não consigo trabalhar e por tanto quem está bancando meu almoço é meu pai, tudo bem eu tenho como pagar meu almoço mas é um dinheiro que vai faltar, é um dinheiro que não era previsto ser gasto, e não sei até quando ele vai estar a disposição. E agora os laboratórios e a biblioteca. Quanto aos laboratórios, primeiro como a gente vai ter aula pratica? simplesmente não vamos ter, não vamos saber como acontece, como que faz, como é … simplesmente não vamos saber, não tem laboratório, sem contar as pessoas que tem pesquisa, entre outras coisas, de qualquer modo não tem laboratório para conseguirmos realmente praticar e também não tem data show então professor tem que ficar desenhando na lousa e a gente tem que abstrair e ficar imaginado como seria o processo. E a ficar sem biblioteca, como a gente faz isso? ….Não estuda? Xeroca o livro do professor? Compra um livro caríssimo? Anda por São Paulo inteiro procurando livros, gastando mais dinheiro que a gente não tem?? Sinceramente não sei responder essa pergunta…. Esse plano B nos foi socado goela a baixo e ta sufocando a gente, eu sou a favor das aulas, mas sem a infraestruturada necessária fica muito difícil, me pergunto cade o padrão USP de qualidade nesse momento em que a gente está sendo negligenciado.”

Leticia Rodrigues – Estudante de OBS

Anúncios